Revista Eletrônica da Pós-Graduação da Cásper Líbero - ISSN 2176-6231, Vol. 6, No 2 (2014)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

O DUALISMO CIDADE E CAMPO EM CENTRAL DO BRASIL: UMA ANÁLISE DA REELABORAÇÃO DA IDENTIDADE NACIONAL À LUZ DAS TEORIAS PÓS-MODERNAS

Cyntia Gomes Calhado

Resumo


Este artigo analisa a reelaboração da identidade nacional, especialmente na forma do dualismo cidade e campo, realizada pelo filme Central do Brasil (Walter Salles, 1998), a partir da teoria pós-moderna. Para traçar os pontos de contato entre o filme e a estética pós-moderna são buscadas as reflexões de Frederic Jameson (1996, 1998), David Harvey (2005), Renato Pucci Jr. (2008) e Robert Stam (2005, 2010). A análise semiótica do corpus se apoia nas definições de Ismail Xavier (2003), Lúcia Nagib (2003, 2006) e Ivana Bentes (2007). São identificados os procedimentos estéticos pós-modernos que o objeto articula, como o recurso da sobre-citação (Aumont, 2007), os aspectos metalinguísticos e o hibridismo estilístico.


Texto Completo: PDF

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

A revista CoMtempo pertence ao Programa de Mestrado da Faculdade Cásper Líbero que direciona suas atividades para a investigação das novas dimensões, articulações e significados da Comunicação na Contemporaneidade. Isso implica compreender os avanços tecnológicos e a dinamização do mercado que atravessam e delineiam os processos midiáticos como fatores mediadores determinantes na reconfiguração da Comunicação. Também, reconhecer que os produtos midiáticos adquirem novos contornos, tanto na esfera do jornalismo, quanto no âmbito do entretenimento; duas dimensões cada vez mais entrecruzadas nas manifestações da mídia.

Revista Eletrônica CoMTempo - ISSN 2176-6231